Katia: Se deixar enviar

Katia: Se deixar enviar

Estou no hemisfério sul do mundo, precisamente no Peru, enquanto leio as palavras do Papa Francisco dirigidas a todos os cristãos devido ao Dia Mundial das Missões 2020:

“Deus nos pede a nossa vontade pessoal de ser enviado, porque Ele é amor em um movimento de missão perene, sempre saindo de si mesmo para dar vida”.

Era 2013, quando cheguei nesta terra que amo, na periferia sul de Lima. Aqui, como missionária, tento receber, todos os dias, o chamado de Deus que, continuamente, envia-me aos meus irmãos e irmãs. Nosso dia inteiro é marcado por conhecer pessoas, as quais carregam cruzes pesadas, vivendo em situação de pobreza, doença, desemprego, solidão…

Três vezes por semana, juntamente com um grupo de leigos da missão, eu nos organizo para visitar os doentes. A lista é longa: crianças, jovens, adultos, idosos… São aqueles para visitar, para acompanhar, para compartilhar o amor. Como Anthony.

A primeira vez que o encontrei foi em uma das igrejas da missão. Ele estava com um chapéu na cabeça, o que me chamou a atenção. Aproximei-me e percebi que ele não tinha cabelo: estava fazendo quimioterapia. Seus olhos me encararam enquanto ele me contava sua história, as dores iniciais e o diagnóstico de câncer na perna.

Anthony com um voluntário da missão

Seis meses depois, o membro foi amputado. Por dois anos Anthony lutou duro contra o câncer e, em 25 de julho de 2020, dia do apóstolo James, ele morreu. Ele tinha muito medo de morrer e me pediu para visitá-lo, para estar ao seu lado, orando. Ele me pediu para ajudá-lo a viver bem essa passagem da vida, rumo a uma nova.

Toda vez que eu o visitava, ele me pedia para não esquecer seus pais, porque eles já tinham perdido outro filho por uma parada cardíaca. Eu estava com eles quando Anthony se foi. Sua mãe nos convidou para orar e disse: “agora, Anthony vai encontrar seu irmão e Deus, e Maria vai recebê-lo.”

Apesar dessa enorme dor, a mãe de Anthony continuou a amar, como o Papa diz “saindo de si mesma para dar vida”. Ao cuidar de um jovem que teve um acidente e que estava em uma cadeira de rodas, ela sentira que este jovem lhe era como um filho. Hoje, o mesmo amor materno também se manifesta quando ela visita a casa, onde se acolhe crianças abandonadas.

Fico com o legado de Anthony: “não se esqueça dos meus pais”. Com estas palavras, aceito o convite de Deus para estar com os que sofrem, para amá-lo nos doentes, para ser enviado todos os dias às ruas e aos lares da missão.

Os pais de Antony cuidam de outras crianças que precisam de ajuda.

Um dia com os missionários

6:00 horas
7:00 horas
8:00 horas
9:30 horas
10:00 horas
11:00 horas
12:00 horas
13:00 horas
14:00 horas
15:00 horas
16:00 horas
17:00 horas
19:00 horas
21:00 horas
22:00 horas
23.00 horas

6:00 horas

Pe. Domenico celebra a missa em Ouagadougou, Burkina Faso

6:00 horas

7:00 horas

Ângela fala com Deus na oração

7:00 horas

8:00 horas

Astrid estuda na faculdade de teologia na Costa do Marfim

8:00 horas

9:30 horas

Valeria forma discípulos nas comunidades cristãs

9:30 horas

10:00 horas

Angel e Yolanda para ajudar os jovens no empreendedorismo 

10:00 horas

11:00 horas

Pe. Aldo e os missionários de Texcoco evangelizam no Chapas, no Mexico

11:00 horas

12:00 horas

Katia visita os doentes na missão em Lima, Perú

12:00 horas

13:00 horas

Giovanni e Roberta, acolhem na casa deles os migrantes

13:00 horas

14:00 horas

Angelica em Belo Horizonte dirige o Centro de Acolhida

14:00 horas

15:00 horas

Alessia acolhe um grupo de jovens

15:00 horas

16:00 horas

Valentina está no Centro Médico da nossa missão na costa do Marfim

16:00 horas

17:00 horas

Padre Ricardo: acompanhar o caminho vocacional

17:00 horas

19:00 horas

A São Paulo Pe. Bruno celebra a missa comunitária coração do dia dos missionários

19:00 horas

21:00 horas

A Belo Horizonte Andreia Luciene visita uma Pequena Comunidade Evangelizadora

21:00 horas

22:00 horas

Em Maputo Antonietta e a comunidade fecham o dia na fraternidade

22:00 horas

23.00 horas

Margaret: Evangelizar todos os dias

23.00 horas
Português